Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

feel the pages

uma fangirl obsessiva compulsiva opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção

sobre o blog

uma fangirl obsessiva compulsiva decidiu fazer um blog onde opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção, alguns já existentes em portugal, alguns ainda em tradução e outros sem lançamento previsto nesta miniatura de país.

remember. (QUASE) TODAS AS REVISÕES TÊM SPOILERS, POR ISSO BE AWARE!

Nova Temporada de Séries

Esta semana começou a nova temporada do regresso das séries norte-americanas, depois do hiatus do verão. E apesar de eu ainda não estar a par dos episódios de regresso (que ainda tenho um drama para acabar de ver), tenho algumas expectativas para as séries que eu já vejo e vontade de ver umas novas.

 

Fresh Off The Boat e Modern Family

Não há muito que esperar deste tipo de séries. Eu vejo-as pelos LOLs, e como cada episódio se foca muito num "episódio" quotidiano, há sempre muito que explorar e nunca chega a ser cansativo.

 

Grey's Anatomy e The Vampire Diaries

Pelo contrário, existem séries que já têm temporadas a mais e já começa a ser ridiculo.

Eu amo de coração Grey's Anatomy, acho que é a série que eu sigo há mais tempo (contando com o hiatus que eu fiz em que passei uns anos valentes sem ver e não pondo Bones aqui, que eu já não sigo como antigamente), mas depois da perda do Derek não sei como é que a série vai aguentar. Ao contrário do The Vampire Diaries, que eu desejo ardentemente que já tivesse acabado para que ficasse tudo em bem, Grey's Anatomy... Não me vejo sem esta série, é de referência para toda a gente... Mas por outro lado, já não há quase ninguém dos originais (que também representa como as pessoas entram e saem da nossa vida) e agora a Meredith sozinha com filhos para criar... Estou bastante curiosa para ver o que se vai passar e espero honestamente que não lhe arranjem um novo interesse amoroso para compensar o romance que falta com a saída do Derek.

 

 

Quanto aos vampiros, omg... Esta série já devia ter acabado, já andam a esticar demasiado a corda. E agora também sem a Elena cheira-me que vamos voltar ao Damon deprimido e ao Stephan a deixar tudo para trás (*cough* Caroline) porque o irmão precisa dele. Entretanto aparece um novo inimigo sobrenatural que só os miguitos podem impedir de destruir o mundo e depois no final tudo é magicamente resolvido. É engraçado como eu odiava a Elena, mas agora acho que a ausência dela vai influenciar a série, e não no bom sentido. Tinha preferido ela ter passado para um plano secundário, e a história principal seria o Stephan e a Caroline a perceberem que ficam maravilhosos juntos, e de repente ela engravida (get it, para justificar a gravidez da Candace?) e ficavam todos surpresos e acaba assim a história, depois de descobrirem lá o pormenor mágico que a permitiu ter filhos enquanto vampira.

 

How To Get Away With Murder

Esta série... Nunca pensei que iria ficar tão viciada. Lá para o final da temporada já estava um bocadinho para o previsível, mas o final foi TAN TAN TAN e agra tenho de saber os comos e porquês.

 

The 100, Fear The Walking Dead e Heroes Reborn
Umas mais novas que outras, são as séries que eu tenho debaixo de olho para começar.
Tenho ouvido falar maravilhas do The 100, mas não sei, não sou grande fã de ficção cientifica e tenho medo que se torne um TVD 2, com o drama desnecessário a prolongar-se por temporadas infinitas.
O meu problema com Fear The Walking Dead é que eu abandonei TWD porque aquilo já se estava a tornar chato como tudo. Eu comecei a série pela adrenalina e adorava os episódios com imensos zombies (tanto que o meu episódio favorito é a fuga da quinta - último episódio da segunda temporada) e depois fui-me aborrecendo cada vez mais porque não explicavam o porquê das coisas nem estavam a tentar descobrir o que é que fez os mortos virarem zombies. Pelo trailer que eu vi de FTWD, parece interessante o inicio de tudo e como é que as coisas se desenvolveram, mas tenho receio que se torne uma série igual à original e que nunca saibamos de nada na mesma.
Por último, embora eu tenha deixado de ver Heroes (não por culpa minha, que eu queria ter acompanhado as temproadas todas, mas depois deixei de ter horário para isso e a Fox passava a horas que eu não consegui aver), vou espreitar de certeza esta série, nem que seja pelas memórias da anterior.