Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

feel the pages

uma fangirl obsessiva compulsiva opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção

sobre o blog

uma fangirl obsessiva compulsiva decidiu fazer um blog onde opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção, alguns já existentes em portugal, alguns ainda em tradução e outros sem lançamento previsto nesta miniatura de país.

remember. (QUASE) TODAS AS REVISÕES TÊM SPOILERS, POR ISSO BE AWARE!

Anjo Caído (Fallen)

 

Autora: Lauren Kate

Edição Portuguesa: Planeta Editora

 

Sinopse

Existe qualquer coisa de dolorosamente familiar em Daniel Grigori. Misterioso e distante, prende a atenção de Luce Price logo que o vê no primeiro dia de aulas no internato Sword & Cross, em Savannah. É a única coisa boa num lugar onde os telemóveis são proibidos, os outros estudantes são tramados e as câmaras de segurança vigiam todos os movimentos. Excepto uma coisa: Daniel não quer ter nada a ver com Luce e faz o possível para tornar isso muito claro. Mas ela não consegue desistir. Atraída para ele como uma borboleta para uma chama, Luce tem de descobrir o que Daniel, desesperado, tenta manter em segredo… mesmo que a mate. Perigoso, excitante e sombriamente romântico, Anjo Caído é uma apaixonante e perfeita história de amor.

 

Opinião

Já perceberam que os meus gostos paranormais são recorrentes não? Ora é anjos ora é vampiros... Enfim, o certo é que eu conheço esta série desde que li o Hush Hush (que pelos vistos tem muitas fãs comuns). Mas até há pouco tempo, não conhecia a sinopse, por isso era-me indiferente. Só que quando a li, achei tão fofo que tive de me aventurar (e não, não é a sinopse de cima, é outra sinopse que revela mais do que a típica histórinha adolescente de amor proíbido e com imensos obstáculos).

 



Honestamente, nem estou surpreendida nem desapontada. Para primeiro livro, conseguiu prender-me a atenção e agora é esperar e ver como é que se desenvolve a história. Espero bem que os próximos livros consigam explorar esta história para que se faça jus à sinopse.

Não é que o primeiro livro fosse mau de todo, mas achei-o pequeno de mais para o que se deveria ter em conta num romance com o plot desta dimensão. As coisas acontecem simplesmente porque sim, sem se explicar o porquê das coisas. Por exemplo, a Luce de repente conhece o Daniel e é por aí que ela envereda, sem mais nem menos, sem o conhecer de lado nenhum, sem sequer ter estado com ele mais do que duas ou três vezes, e está completamente apaixonada. Ok, eles têm um passado comum, mas... Eu não posso estar a julgar sem ter lido a restante parte da saga, porque mais à frente até pode estar mais descrito as vidas passadas dos dois e como eles de facto se apaixonaram, porque meia dúzia de olhares e uns dedos no ar não chegam para se criar um sentimento tão forte (e é a minha esperança que isso se faça, se não cabeças vão rolar).

O final foi um bocadinho inesperado e exagerado de mais, se querem que vos diga. Tava tudo a meio da Luce finalmente começar a descobrir coisas decentes e depois às três pancadas acontece tudo de uma vez e sem explicação prévia, e os conceitos que introduziram também não foram muito justificados nem explicados aos leitores.

Como viram, 'explicação' é a palavra desta revisão e é talvez aquil oque eu espero que se ofereça mais nos próximos volumes. E também quero saber o que raio se passa com o Daniel e o Cam! (antes de me ter spoilado, pensava que era o Cam que iria protagonizar o casal com a Luce, vejam bem a minha ingenuidade xD)