Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

feel the pages

uma fangirl obsessiva compulsiva opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção

sobre o blog

uma fangirl obsessiva compulsiva decidiu fazer um blog onde opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção, alguns já existentes em portugal, alguns ainda em tradução e outros sem lançamento previsto nesta miniatura de país.

remember. (QUASE) TODAS AS REVISÕES TÊM SPOILERS, POR ISSO BE AWARE!

2ª Semana de Julho até 2ª Semana de Setembro: Novos Dramas e Alguns Filmes

Não estou nada desiludida com os meus progressos de Verão. 3 filmes, 2 dramas... Não foi mau de todo.

 

Filmes

- Smosh: The Movie: eu presumo que toda a gente saiba do que é que isto se trata, eles são bastante conhecidos na internet. Achei engraçado fazerem um filme, que na verdade me parece um sketch mais alongado. Não foi fabuloso, mas não foi horrível; deixou-me contente, teve a qualidade habitual dos sketchs deles, obviamente com muito mais produção, mas foi engraçado. Especialmente a referência aos Pokemon com os "Magic Pocket Slave Monsters" xD

 

- Magic Mike XXL: presumo também que 99% da população feminina e alguma percentagem da população masculina tenha ido ver este filme por... razões. God... eu sou uma mulher mais feliz depois de ter visto este filme. E não é pelas razões que eu mencionei antes. É que eu começava a achar que já tinha um problema, porque eu desgostei de todos os filmes "sequela" deste verão, mas adorei este, tão ou mais que o primeiro. A banda sonora é boa, a realização é boa (o que é estranho, porque há partida quando se pensa neste filme é logo badalhoquice e afins, mas tem uma produção muito indie), a história... Bem, não há muita história, e a que há não foi muito exploradas, mas o que é que se espera quando se vê um filme destes?

 

- 71: Into Fire: é, a pancada ainda não me passou. Eu decidi que ia ver a filmografai inteira, e já só me falta um (sim, eu vou ver o filme do Iris, eu tenho de saber como é que aquele drama acaba, e duas horas sempre é mais  rápidos que mais 10 episódios). Eu não sou grande fã de filmes de guerra, por isso não posso dizer que ADOREI o filme; achei que tinha uma boa realização, uma boa fotografia e uma boa história, ainda para mais sendo veridica.

 

Primeira Quinzena de Julho - Um novo Drama e filmes frustrantes

Bem, estas primeiras semanas de Julho mostraram-se bem mais produtivas que os meses anteriores. 3 filmes e 2 episódios de um novo drama (QUE É TÃO LINDO - já lá vamos) parece-me bastante bem, tendo em conta que ainda tenho a minha monografia em andamento.

 

Minions - eu sou uma grande fã dos minions. Gostei muito deles no primeiro Gru, adorei-os no segundo Gru e quando soube que iriam ter um filme só deles delirei. estava realmente há espera de outra coisa. Gostei imenso da primeira parte do filme, correspondeu sem dúvidas às minhas expectativas de "a evolução das espécies", mas a segunda parte do filme deixou-me algo desapontada; acho que se focaram muito na história da vilã e em como os minions estiveram envolvidos com ela e perdeu-se um bocado daquilo que eu tinha em vista. ri-me muito na mesma, mas estava realmente à espera de outro tipo de BANANAS!

 

Junho - TUDO NUMA SECURA

O mês de Junho foi fraco em termos de filmes e séries... Neste momento, todas as séries que eu vejo estão em hiatus, o que supostamente me daria tempo para ver filmes ou começar um drama ou um anime novo, mas não, porque com o final do curso tudo se acumula, os dossiers de estágio e monografia tomam metade do meu tempo e neste momento só tenho visto Running Man.

 

Mas, como não podia deixar de ser, tenho de falar de pelo menos Game of Thrones. Eu espero bem que aquele final... Não quero saber, a esta hora todos já viram, por isso fuck it. Eu espero bem que a Melissandre renasça o Jon Snow, senão eu nem sei... Eu pensei que numa situação como a que aconteceu, eu iria gritar e partir qualquer coisa, mas a verdade é que vi os últimos 10 minutos tão apaticamente que quando acabou não senti nada a não ser "isto é mentira". E espero bem que seja, não vejo a acabarem com um personagem tão fantástico como o Jon Snow assim do nada. ATÉ PORQUE ELE AINDA TEM DE DESCOBRIR QUEM SÃO OS PAIS DELE.

 

Quanto a filmes, continuei na mesma onda asiática dos últimos meses, e consegui ver um no principio e outro no final do mês, que foram o 19 e o Commitment (links para as sinopses e para verem online), respectivamente, e apesar do primeiro ser bastante previsivel e sem grande história, gostei bastante do segundo, tem uma história um bocadinho para o "isto não aconteceria na vida real", mas para quem gosta de espiões e coisas do género, foi bem interessante.

 

E pronto este mês foi assim, esperemos que o próximo seja bem melhor.

maio - documentários, kdramas e hiatus americanos

O mês de maio está a acabar e, mesmo que em leitura eu não tenha avançado quase nada, parece-me que tenho montes de coisas para vos falar. Haengjin!

 

Vou começar já pelas séries americanas, que este mês andaram num rubro doido. Revenge finalmente acabou! E digo isto porque acho que nas últimas duas temporadas andaram a enrolar a história desnecessariamente, mas os últimos episódios foram bombástico e prenderam-me semana após semana. Acho que teve um final apropriado, o tamanho e número das temporadas, embora nalguns episódio engonhassem, não foram nada do outro mundo em relação a outras séries, e achei que foi uma boa série no geral, com uma boa história do principio ao fim.

 

Quanto aos hiatus, destaco Grey's Anatomy e The Vampire Diaries. Grey's Anatomy nesta última temporada foi... Eu nem sei descrever, foram muitas lágrimas envolvidas e a próxima temporada tem de ser maravilhosa para compensar esta última (que foi óptima em termos de feels - E A APRIL E O JACKSON NÃO PODEM ACABAR ASSIM PÁ!). The Vampire Diaries... Eu não sei se já disse isto neste blog, mas eu deixei de ser fã da Elena há muitos anos. E da Bonnie também. Por isso este final de temporada foi um bocado meh. A Bonnie para mim já não faz falta nenhuma à série, já deu o que tinha a dar e devia ter ficado morta logo da primeira vez que morreu (se bem que até gosto da interacção dela com o Kai) e a Elena... Não havia necessidade de a "adormecer" permanentemente, embora odeie o facto de ela ser sempre o centro das atenções, podiam afastá-la de uma maneira mais subtil, pô-la como personagem secundária e focarem-se mais na Stefan e na Caroline agora, e depois acabarem também a série, que embora seja um guilty pleasure meu, já deu o que tinha a dar, quantos mais problemas podem surgir que seja aquele grupinho a solucionar para salvar o mundo?

 

Abril - Ainda na Ásia e Lágrimas pelo Derek

Há meses muito mais complicados que outros, e o mês de Abril foi sem dúvida desafiante. Não tenho tipo para quase nada, só me apetece chorar. É que nem para ler! E apesar de estar a ler um clássico (que já não fazia há imenso tempo), o que torna a leitura mais lenta (pelo menos para mim), esto ua gostar bastante do livro, mas... Tenho livro umas 5 páginas por dia, e é quando leio. Passam-se dias sem que eu pegue no livro. E o mesmo tem acontecido com os filmes e séries.

 

Filmes

Aconteceu algo que nunca tinha acontecido antes. Eu sempre fui obcecada por filmes, séries, livros... Basicamente, por história, por ficção. Adoro música, mas os fandoms de bandas e afins nunca me tocaram muito (sem contar com Avenged Sevenfold, que é a minha banda favorita). E a cena é: eu já oiço k-pop há uns anos, porque raio é que só agora é que me deu esta pancada tão forte? Estou a fazer muito sentido, não estou, com o subtítulo filmes e a falar de música? Long story short, eu ando completamente parva da vida por uma boysband (BIGBANG) e o elemento que faz melhor trabalhar as minhas hormonas (T.O.P) qual  fez um filme (aliás fez mais que um, mas como apareceram uns gifs alarmantes na minha dash do tumblr, eu tive de ver este). E fiquei bastante surpreendida, tanto pelas performances como pela realização do filme. Said movie é Tazza 2: The Hidden Card, e fala lá de um prodigio do poker que pelos vistos é sobrinho do protagonista do Tazza 1, mas não precisam ver o primeiro filme, eu não vi e compreendi tudo, aliás nem sequer há ligação entre os dois. Para quem gosta de filmes sobre poker e jogo, é uma história muito interessante (eu sou viciada eu poker, por isso...).

 

Game of Thrones: S5 Trailer + Expectativas

Na próxima segunda-feira chega aquela altura do ano pela qual montes de gente espera um ano inteiro: finalmente começa a nova temporada de Game of Thrones (PORTUGAL: no syfy às 22h20), finalmente! Antes de mais quero avisar que este post vai ter spoilers, obviamente, por isso se estão a pensar em começar a ver a série (que vale muito a pena), cuidado! Mas não vou só falar da nova temporada, calma, vou também partilhar a minha história à volta desta série (que todos podem ler) e depois sim, a opinião do novo trailer e o que eu espero que aconteça esta temporada (e que quase de certeza não vai acontecer).