Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

feel the pages

uma fangirl obsessiva compulsiva opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção

sobre o blog

uma fangirl obsessiva compulsiva decidiu fazer um blog onde opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção, alguns já existentes em portugal, alguns ainda em tradução e outros sem lançamento previsto nesta miniatura de país.

remember. (QUASE) TODAS AS REVISÕES TÊM SPOILERS, POR ISSO BE AWARE!

Na Sobra do Desejo (Lover Revealed)

 

 

Autora: J. R. Ward

Edição Portuguesa: Casa das Letras

 

Sinopse

Nas sombras da noite da cidade de Caldwell, em Nova Iorque, trava-se uma guerra territorial entre os vampiros e seus caçadores. Ali, existe um bando secreto de irmãos sem igual — seis guerreiros vampiros, defensores da sua raça. Mas agora um aliado da Irmandade está prestes a enfrentar os seus próprios desejos obscuros…

Butch O’Neal é um guerreiro por natureza. Um ex-polícia da brigada de homicídios que leva uma vida dura, é o único humano a quem foi permitido aceder ao círculo íntimo da Irmandade da Adaga Negra. E quer submergir-se ainda mais profundamente no mundo dos vampiros… Quer alistar-se na guerra territorial contra os minguantes. Não tem nada a perder. O seu coração pertence a uma fêmea vampira, uma beldade aristocrática que está muito acima do seu nível. Se não pode ter Marissa, então ao menos pode lutar lado a lado com os irmãos…

O destino amaldiçoa-o outorgando-lhe o que deseja. Quando Butch se sacrifica para salvar dos assassinos um vampiro da população civil, torna-se presa da mais escura força da guerra. Moribundo, é encontrado graças a um milagre, e a Irmandade pede a Marissa que tente trazê-lo de volta. Mas talvez nem sequer o seu amor seja suficiente para salvá-lo…

 

Opinião

Cá estamos, mais uma vez, nas deliciosas palavras da minha querida Jessica Bird. Eu amo esta mulher. É que cada vez que eu vejo os videos dela e depois leio o que ela escreve, fico sempre surpreendida como de facto nunca se conhece uma pessoa logo à primeira vista.

 

Depois de tanto tempo (foram só 2 livros, que por acaso eu adorei), finalmente as minhas preces foram ouvidas e o Butch e a Marissa têm a histórinha deles. A Marissa é a tipica menininha, inocente e bondosa, cheira a mar... É o género de uma princesa da Disney. Era a shellan não consumada do rei Wrath (yup, ainda é inocente) e era olhada de lado entre todos os finesses da glymera, como se não tivesse valor nenhum só porque o senhor só se servia dela para beber um sanguezinho fresco, independentemente dela ser de boa linhagem e vestir vestido lindos e caros e exibir com jóias raras. E o Butch é o policia que queria que a Beth (a nova shellan - muito e bem consumada - do Wrath) e que agora vive com os Irmãos porque de vez em quando até os ajuda (e porque o Vishous não ia mandar embora um fã dos Red Sox).

 

 


Este romance é muito querido, porque apesar da Marissa ser aquele menina que não sabe quase nada da vida, vai sofrer uma mudança dramática ao longo desta linha de tempo literária. A história foca-se muito na constante descoberta do mundo em volta dela 8que não é tão cor de rosa e linear como ela pensava).

Infelizmente este livro é muito centrado nos Minguantes (em parte porque o Butch se envolve no meio da nhanha toda e aquilo dá para o torto) e a sedução não foi explorada tanto quanto eu desejaria. Mas enfim, de alguma forma também proporcionou outras cenas bonitas de se ver (assim uns amassos na maca da clínica do Havers...). Calma, não se alarmem... Não aconteceu nada de terrível ao Butch. Quer dizer, mais ou menos. Digamos que ele é 'compatível' com o sangue dos Minguantes e acaba por ficar infectado.

 

Entre outras coisas interessantes de se lerem, conhecemos mais um pouquinho do Vishous, que começa a sentir e mostrar mais que amizade pelo policia, mas sem dar a entender a ninguém. O Vishous é muito importante neste livro, também, porque para além de ser o BFF do Butch, aquela mãozinha incendiante é uma grande ajuda para 'desinfestar' a praga do sangue preto. E entretanto o Butch, para além dos sintomas finos que o Omega lhe está a provocar, começa com outros sintomas, assim... Sintomas de vampiro... E depois descobrem uma coisa inesperada que o liga ao rei!

 

E é no meio destas acontecimentos terríveis que a Marissa passa de virgem intocável a mulher com eles no sitio. Porque a atracção pelo policia é tão forte que nada nem ninguém (nem mesmo aquele irmão estúpido) a vai parar. Aquele Havers também, para médico saiu-me cá uma bela peça... Até expulsão a Marissa de casa, vejam bem! Mas a minha querida é forte, e ganha coragem até para desistir do amor que tem pelo Butch por uma causa maior (que é a sua nova acção de beneficência) e porque não aguenta a ansiedade todas as noites quando ele vai combater.

 

Enfim, apesar deles terem sido o meu primeiro casal favorito, este livro não teve a mesma sorte e não o pude classificar como favorito por muitas razões (PORQUE MEIO LIVRO FOI SÓ OMEGA E MINGUANTES E MR NÃO SEI QUÊ), mas tenho a dizer que foi uma união que gostei muito, porque o Butch e a Marissa juntos formaram aquilo que as duas famílias que não lhes diziam nada nunca lhe poderiam oferecer.

 

Adeus e até à próxima leitura!