Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

feel the pages

uma fangirl obsessiva compulsiva opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção

sobre o blog

uma fangirl obsessiva compulsiva decidiu fazer um blog onde opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção, alguns já existentes em portugal, alguns ainda em tradução e outros sem lançamento previsto nesta miniatura de país.

remember. (QUASE) TODAS AS REVISÕES TÊM SPOILERS, POR ISSO BE AWARE!

Março: Filmes, Séries e Dramas

Então mas já estamos a acabar o mês de Abril e eu ainda nem fiz o post do mês de Março?? Também não é que se tivesse passado muito, enfim, vamos lá!

 

Séries

Deixei de ver Shadowhunters. Eu sei, é inesperado. Nem estava sequer a fazer conta de ver mas aventurei-me e agora pus de lado, porque a história está a sair um bocadinho da original e se eu já gosto pouco do TMI, se começarem a inventar vai ser pior para mim. Tenho a dizer que a produção e as personagens estão melhores que no filme (mas também não é preciso muito), simplesmente não é o tipo de série que eu queira acompanhar neste momento.

 

Outra série que já me está a deixar pelos cabelos é The Vampire Diaries. Desde que começaram com os flashbacks do presente, passado, futuro, estragaram tudo para mim; já não percebo nada, já não posso com os dramazinhos dos irmãos Salvatore, não podia estar menos interessada nestes novos romances todos esquisitos com personagens antigas (Caroline x Alaric, Bonnic x Enzo, Stephen x Valerie) e estou-me completamene nas tintas para quem vai morrer ou não. Já pensei em mais que uma vez abandonar, mas já vejo esta série há tanto tempo que já é um hábito (e ainda dizia eu que com a "partida" da Elena, as coisas iam melhorar; VOLTA ESTÁS PERDOADA)...

 

Uma Sombra Sobre Florença (The Shadow)

 

Autor: Sylvain Reynard

Edição Portuguesa: Chá das Cinco

 

Sinopse

O Príncipe voltou, professando o seu amor por Raven Wood, que terá de tomar uma decisão difícil: permitir que o Príncipe vingue o passado que ainda a atormenta ou persuadi-lo a deter-se. Mas há muito mais em jogo do que apenas o coração ou os sentimentos de Raven: uma sombra abateu-se sobre a cidade de Florença. O inspetor Batelli mantém-se incansável na busca pela ligação de Raven ao roubo de obras de arte de valor incalculável da Galeria Uffizi. E, enquanto o Príncipe persegue um traidor que o ilude a cada passo que dá, torna-se ele próprio alvo de um inimigo mortal… Serão capazes de ganhar esta batalha? Uma coisa é certa, o seu amor terá de permanecer secreto, caso contrário estarão ambos em grande perigo. 


Opinião

Eu acho que nunca fiz a tag "Auto-Buy Authors" (ou secalhar fiz e não me lembro), mas sempre pensei que qualquer coisa que este homem escrevesse iria ser do meu agrado, e não é que este livro estivesse mal escrito, que até estava, mas... Nem sei se hei-de culpar esta maldita reading slump que já se arrasta há imenso tempo, se foi a história que já não me prende o interesse, se foi foi por já ter lido o primeiro livro desta trilogia há algum tempo e já não me lembrar da maioria das coisas.

 

BOOKISH BOOKIN BOOK TAG

Este blog anda tão movimentado que até dói! not Bem, mas hoje trago uma tag (orignal aqui). Vamos lá!

 

1. What is a well loved book that you hated?

My Life Next Door, que aparentemente só eu que não gosto.


2. What is a guilty pleasure book?

Qualquer livro da Samantha Young.


3. Have you ever spoiled a book for someone? If so, which book?

Já, foi sem querer e ainda por cima foi com a morte de um personagem. E felizmente, cada vez me tenho controlado mais, porque também odeio quando sou spoilada (tirando aqui no blog, que já tem o aviso no cabeçalho que ler as minhas opiniões é sempre um risco).


4. What book made you ugly cry?

Mas isto é pessoa que se faça a uma pessoa como eu, que chora por tudo e por nada?? Só para terem noção, o Jem aparece no Lady Midnight a falar do parabatai e mais coisas e eu desatei a chorar que nem uma louca.


5. What is your latest DNF?

O último foi o Uprooted, que também é outro que todos falam maravilhas e que não me estava a captivar nadinha.

 

 

Soundless

 

Autora: Soundless

Sem Lançamento em Portugal aquando da Revisão

 

 

Sinopse

In a village without sound…
For as long as Fei can remember, no one in her village has been able to hear. Rocky terrain and frequent avalanches make it impossible to leave the village, so Fei and her people are at the mercy of a zipline that carries food up the treacherous cliffs from Beiguo, a mysterious faraway kingdom.
When villagers begin to lose their sight, deliveries from the zipline shrink. Many go hungry. Fei and all the people she loves are plunged into crisis, with nothing to look forward to but darkness and starvation.
One girl hears a call to action…
Until one night, Fei is awoken by a searing noise. Sound becomes her weapon.
She sets out to uncover what’s happened to her and to fight the dangers threatening her village. A handsome miner with a revolutionary spirit accompanies Fei on her quest, bringing with him new risks and the possibility of romance. They embark on a majestic journey from the peak of their jagged mountain village to the valley of Beiguo, where a startling truth will change their lives forever…
And unlocks a power that will save her people.

 

Opinião

Mais de um mês que eu levei para ler este livro que nem chega às 200 páginas!!! E não é que o livro fosse mau, mas eu procrastinei, e procrastinei... chegaram a haver semanas que eu nem peguei nele. Tenho pena de só lhe ter dado 3 estrelas, é mais um 3.5 (e se calhar chegaria a 4, se não tivesse demorado tanto tempo), porque gostei bastante da história, e para mim, em termos de escrita, este é o melhor livro da autora.

Mais uma vez quando faço revisões, não posso contar muito porque a história é curta. Posso dizer que gostei bastante das personagens principais, se bem que a obcessão que a Fei tinha com a irmã e em salvar a irmã já me estava a chatear um bocado, parecia que a irmã (mais velha) era uma atadinha e não conseguia fazer nada por ela própria; gostei BASTANTE do Li Wei *blush* mas o que eu gostei mais nesta história toda foi o facto de não se centrar no romance dos dois. Sou uma grande fã de romance, adoro quando os fofinhos ficam juntos, mas foi muito "refrescante" ler uma história que não se baseásse apenas no amor e sim em todo um conjunto valores da personagem principal.

Não é um livro perfeito, não, mas é uma história muito bonita, com mitologia chinesa (que tem uma criatura que eu já tinah visto e nunca tinha sabido o nome, aprendi com esta história) que pode ser lida por qualquer pessoa, mesmo que não seja fã de coisas asiáticas.

TOP 5 Livros Que Quero Ler | Primeiro Trimestre de 2016

Hoje fiz uma asneira grande... Eu sei que tinha dito há uns tempos que andava toda contente porque a minha TBR só andava a diminuir, que eu me estava a portar bem e não estava a acumular mais livros, mas hoje a minha resolução caiu por terra. Não foi um estrago grande, foram só 10 livros. E eu sei que nem os vou ler para já, porque tenho prioridades literárias que não quero por de lado, mas enfim... Nisto nasceu esta lista de histórias que, neste começo de ano, me estão a deixar louca para as ler, e que são na sua maioria fantasia, o que por um lado não me espanta, porque eu gosto mais deste género no Inverno/Primavera (que ainda está muito invernal, diga-se de passagem):.

 

1. The Raven Boys

Eu estou só à espera que saia o último livro para me aventurar com isto, porque já sei como é que eu sou e com um quarteto deste género eu quero fazer uma maratona valente. O que vale é que está quase a chegar a data de lançamento do The Raven King, e eu vou-me entretendo com standalones para depois ZÁS! ir de cabeça.

 

2. A Court of Mist and Fury

Surpreendidos? Não, pois não? Eu preciso deste livro, aliás da conclusão da trilogia (?) para ontem, EU PRECISO!!

 

3. Lunar Chronicles

Eu não sou a maior fã de Sci-Fi e não costumo gostar de retellings, mais depois do ACoTaR me ter surpreendido tanto pela positiva, e depois de ter visto gente a dizer que quem gosta de Sailor Moon vai gostar disto, é claro que ficou debaixo do meu olho. E o quarteto já está completo, o que é uma maravilha, agora é só mesmo desocupar os lugares anteriores e páu!

 

4. Falling Kingdoms

Depois do fracasso que foi para mim Throne of Glass, eu preciso de uma série de fantasia épica que seja tão espetacular e maravilhosa quanto eu espero que seja. Ainda não me aventurei porque ainda está em publicação, e como já referi, eu gosto de uma boa maratona, porque depois começo a perder o fio à meada e é uma chatice. Talvez arrisque antes disso

 

5. Lady Midnight

Eu vou ser muito sincera, eu mal me lembro de City of Heavenly Fire (lá está, eu esqueço-me das coisas facilmente, por isso é que prefiro as maratonas), e não estava nada entusiasmada para começar esta nova série, mas de repente ouço dizer que é o melhor começo de uma série da Cassandra Clare e o meu coração ficou preocupado COMO ASSIM O MELHOR ENTÃO E O CLOCKWORK ANGEL HÃ??? Daí eu ter de ver o que se passa (até porque já me spoilei e sei que vai haver uma espécie de Malec 2.0, o que mais é que eu poderia querer...).