Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

feel the pages

uma fangirl obsessiva compulsiva opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção

sobre o blog

uma fangirl obsessiva compulsiva decidiu fazer um blog onde opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção, alguns já existentes em portugal, alguns ainda em tradução e outros sem lançamento previsto nesta miniatura de país.

remember. (QUASE) TODAS AS REVISÕES TÊM SPOILERS, POR ISSO BE AWARE!

maio - documentários, kdramas e hiatus americanos

O mês de maio está a acabar e, mesmo que em leitura eu não tenha avançado quase nada, parece-me que tenho montes de coisas para vos falar. Haengjin!

 

Vou começar já pelas séries americanas, que este mês andaram num rubro doido. Revenge finalmente acabou! E digo isto porque acho que nas últimas duas temporadas andaram a enrolar a história desnecessariamente, mas os últimos episódios foram bombástico e prenderam-me semana após semana. Acho que teve um final apropriado, o tamanho e número das temporadas, embora nalguns episódio engonhassem, não foram nada do outro mundo em relação a outras séries, e achei que foi uma boa série no geral, com uma boa história do principio ao fim.

 

Quanto aos hiatus, destaco Grey's Anatomy e The Vampire Diaries. Grey's Anatomy nesta última temporada foi... Eu nem sei descrever, foram muitas lágrimas envolvidas e a próxima temporada tem de ser maravilhosa para compensar esta última (que foi óptima em termos de feels - E A APRIL E O JACKSON NÃO PODEM ACABAR ASSIM PÁ!). The Vampire Diaries... Eu não sei se já disse isto neste blog, mas eu deixei de ser fã da Elena há muitos anos. E da Bonnie também. Por isso este final de temporada foi um bocado meh. A Bonnie para mim já não faz falta nenhuma à série, já deu o que tinha a dar e devia ter ficado morta logo da primeira vez que morreu (se bem que até gosto da interacção dela com o Kai) e a Elena... Não havia necessidade de a "adormecer" permanentemente, embora odeie o facto de ela ser sempre o centro das atenções, podiam afastá-la de uma maneira mais subtil, pô-la como personagem secundária e focarem-se mais na Stefan e na Caroline agora, e depois acabarem também a série, que embora seja um guilty pleasure meu, já deu o que tinha a dar, quantos mais problemas podem surgir que seja aquele grupinho a solucionar para salvar o mundo?

 

TAG: Amo/Odeio

Antes de mais um muito obrigada á Renata do blog Anotações Literárias por me ter tagueado e salvar este blog da secura de posts.

 

10 coisas que amo:

1. Livros
2. Vídeos de gatos no youtube
3. Dramas Asiáticos (que em 20 episódios ou menos conseguem fazer um história bem contada) e Séries Televisivas (maioritariamente americanas, algumas já com milhentas temporadas)
4. Filmes
5. T.O.P (ninguém vai perceber, i don't caAaaAare~ xD)
6. Chocolate
7. Inverno
8. ANATOMIA PATOLÓGICA!!!
9. Aplicações (sim, as para o telemóvel)
10. Coisas kawaii


10 coisas que odeio:
1. Pessoas que adormecem nos transportes
2. Pessoas que sorvem as bebidas
3. Pessoas que respiram muito alto
4. Pessoas que pensam que o facebook é um diário e partilham todos os problemas da sua vida (e que eu não quero saber)
5. Pessoas que pensam que o mundo gira à volta delas
6. Pitalhada do SWAG
7. Pedidos de jogos que eu não jogo no facebook
8. Internet lenta
9. Cães pequeninos que parecem super fofos e depois quando vamos lá fazer festinhas começam a ladrar
10. O facto de eu não ser milionária

 

tempo livre, what is that and where can i buy it?

Este mês de maio é terrível: estágio a apertar, semana académica, queima das fitas... Não há tempo para nada, nem para ler (que neste momento só o faço nos transportes, mas mesmo assim é pouco), nem para escrever aqui no blog (mas também, se não leio, não tenho muito para vos relatar). Todos os dias é um chegar a casa, tomar banho, jantar, dormir, com interrupções ocasionais de dramas coreanos, que neste momento é só o que o meu cérebro quer receber, juntamente com Game of Thrones e Grey's Anatomy.

 

Isto tudo para dizer que estou viva, só que a minha vida tem andado tão complicada que não tenho mesmo tido tempo (e confesso, paciência) para vir aqui. Lá para inicio de Junho isto vai acalmar, por isso é por lá que as actualizações de 3 vezes por semana aqui no blog vão voltar. Por agora, só consigo uma vez por semana e... Enfim, sorry, mas é o que consigo neste momento.

edições portuguesas #5

DIAS DE SANGUE E GLÓRIA

 

Autora: Laini Taylor

Edição Portuguesa: Porto Editora

 

Sinopse
Karou, antiga estudante de Arte, quimera revenante e aprendiz de ressurrecionista, tem finalmente as respostas que sempre procurou. Sabe quem é e o que é. Porém, com este conhecimento vem outra verdade que ela daria tudo para desfazer: amou o inimigo e foi traída, e um mundo inteiro sofreu por isso.
Agora, sacerdotisa de um castelo de areia numa terra de poeira e estrelas, profundamente só, Karou tenta recriar o universo do seu passado, contribuindo, com a sua dor e a sua mágoa, para a volta gloriosa das quimeras.
Porém, sem Akiva, e sem o seu sonho de amor partilhado, o caminho da esperança afigura-se impossível de trilhar.
Repleto de desgosto e beleza, segredos e escolhas impossíveis, Dias de Sangue e Glória encontra Karou e Akiva em lados opostos de uma guerra tão antiga como o tempo
.

 

Opinião

aqui

THE BOOK COURTSHIP TAG

Mais uma tag neste blog. Tageio toda a gente, e como isto estava nos rascunhos, já não sei quem o criou, mas os créditos originais não são meus (acho que vi no blog do jessethereader, mas já não posso dizer com certezas)!

 

Phase 1 - Initial Attraction: A book that you bought because of the cover?

O The Life Intended. Eu ainda não o li, e por muito tempo pensei que não o ia ler, mas aquela capa é maravilhosa, magnífica, é tudo, e por isso agora está na TBR.


Phase 2 - First Impressions: A book that you got because of the summary?

O Why We Broke Up.


Phase 3 - Sweet Talk: A book with great writing?

O The Bronze Horseman, que é o meu bebézinho :'3

 

 

Abril - Ainda na Ásia e Lágrimas pelo Derek

Há meses muito mais complicados que outros, e o mês de Abril foi sem dúvida desafiante. Não tenho tipo para quase nada, só me apetece chorar. É que nem para ler! E apesar de estar a ler um clássico (que já não fazia há imenso tempo), o que torna a leitura mais lenta (pelo menos para mim), esto ua gostar bastante do livro, mas... Tenho livro umas 5 páginas por dia, e é quando leio. Passam-se dias sem que eu pegue no livro. E o mesmo tem acontecido com os filmes e séries.

 

Filmes

Aconteceu algo que nunca tinha acontecido antes. Eu sempre fui obcecada por filmes, séries, livros... Basicamente, por história, por ficção. Adoro música, mas os fandoms de bandas e afins nunca me tocaram muito (sem contar com Avenged Sevenfold, que é a minha banda favorita). E a cena é: eu já oiço k-pop há uns anos, porque raio é que só agora é que me deu esta pancada tão forte? Estou a fazer muito sentido, não estou, com o subtítulo filmes e a falar de música? Long story short, eu ando completamente parva da vida por uma boysband (BIGBANG) e o elemento que faz melhor trabalhar as minhas hormonas (T.O.P) qual  fez um filme (aliás fez mais que um, mas como apareceram uns gifs alarmantes na minha dash do tumblr, eu tive de ver este). E fiquei bastante surpreendida, tanto pelas performances como pela realização do filme. Said movie é Tazza 2: The Hidden Card, e fala lá de um prodigio do poker que pelos vistos é sobrinho do protagonista do Tazza 1, mas não precisam ver o primeiro filme, eu não vi e compreendi tudo, aliás nem sequer há ligação entre os dois. Para quem gosta de filmes sobre poker e jogo, é uma história muito interessante (eu sou viciada eu poker, por isso...).