Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

feel the pages

uma fangirl obsessiva compulsiva opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção

sobre o blog

uma fangirl obsessiva compulsiva decidiu fazer um blog onde opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção, alguns já existentes em portugal, alguns ainda em tradução e outros sem lançamento previsto nesta miniatura de país.

remember. (QUASE) TODAS AS REVISÕES TÊM SPOILERS, POR ISSO BE AWARE!

Requiem

 

Autora: Lauren Oliver

Sem Lançamento em Portugal aquando da Revisão

 

 

Sinopse

They have tried to squeeze us out, to stamp us into the past. But we are still here. And there are more of us every day. Now an active member of the resistance, Lena has been transformed. The nascent rebellion that was under way in Pandemonium has ignited into an all-out revolution in Requiem, and Lena is at the center of the fight. After rescuing Julian from a death sentence, Lena and her friends fled to the Wilds. But the Wilds are no longer a safe haven—pockets of rebellion have opened throughout the country, and the government cannot deny the existence of Invalids. Regulators now infiltrate the borderlands to stamp out the rebels, and as Lena navigates the increasingly dangerous terrain, her best friend, Hana, lives a safe, loveless life in Portland as the fiancée of the young mayor. Maybe we are driven crazy by our feelings. Maybe love is a disease, and we would be better off without it. But we have chosen a different road. And in the end, that is the point of escaping the cure: We are free to choose. We are even free to choose the wrong thing. Requiem is told from both Lena’s and Hana’s points of view. The two girls live side by side in a world that divides them until, at last, their stories converge.

 

Opinião

Honestamente esou dividida. Não sei se gostei ou não deste livro. Nem sequer percebi se é o final ou se a Lauren vai escrever mais. Demorei tanto, mas tanto tempo a ler este terceiro volume que já nem sei explicar porquê. Quando estava em aulas conseguia ler um livro de 300/400 páginas em semana e meia; assim que comecei exames e já só tinha de ir á faculdade de quando em vez, passavam-se dias sem ler (ou então lia um capítulo por dia).

 

Identidade Literária

O tag que hoje vos trago foi visto no youtube, cujo video original se encontra aqui. Como ainda não li os livros todos adequados a esta tag, só vou escolher as perguntas dos livros que já li.

 

1. Em que mundo de distopia/fantasia gostarias de viver?

A escolha normal seria o mundo do Harry Potter. Não conheço ninguém que tenha lido os livros e não esperásse receber um carta vinda de Hogwarts a dizer que tinha ingressado na escola de magia mais famosa do mundo. Mas, como digo vezes sem conta que não fui feita para viver neste século, e como tenho uma pancada fortíssima pela época victoriana e viragem do século 19, vou escolher o mundo dos Caçadores de Sombras na época do The Infernal Devices.

 

2. Quem seria o teu namorado?

Acho que este questionário não foi feito para quem tem uma lista tão vasta de personagens masculinas fictícias que considera namorados literários. Vou pressupor que o meu tal namorado teria de ser do mundo que escolhi anteriormente (para reduzir as opções de escolha) e ter o Jem Carstairs como meu fofuxo.

 

3. Serias um Downworlder ou Nephilim (Caçadores de Sombras)?

por muito que eu goste de vampiros e feiticeiros, adorava ter de andar todos os dias vestida com cabedal e ter tatuagens giras que me dessem poderes especiais. So... nephilim.

 

4. Em que casa estarias? (Harry Potter)

Acreditei durante imenso tempo que só os Gryffindor é que eram os melhores e que era a única casa merecedora de mérito. Desde que comecei a investigar mais as casas (com a entrada no Pottermore - adicionem-me aqui) percebi que a casa onde o Chapéu Seleccionador me colocou, Ravenclaw, é a única que se adequaria à minha personalidade. Além disso, a Luna e a Cho também eram Ravenclaw e participaram numa batalha onde mostraram que não são só os Gryffindor os destemidos e com valores morais.

 

E vocês, qual seria a vossa identidade literária?

O Beijo das Sombras (Shadow Kiss)

 

 

Autora: Richelle Mead

Edição Portuguesa: Contraponto

 

Sinopse

A Primavera chegou à Academia de São Vladimir, e Rose Hathaway está quase a graduar-se. Chegou também o momento em que Rose tem de lidar com os seus pensamentos cada vez mais sombrios, o seu comportamento errático, e pior que tudo, ela acha que anda a ver fantasmas... Tudo isto porque teve de matar os seus primeiros Strigoi. E enquanto Rose põe em dúvida a sua própria sanidade mental, novas complicações se avizinham: Lissa recomeça as experiências com a sua magia, o seu inimigo Victor Dashkov pode ser posto em liberdade, e a relação proibida de Rose e Dimitri aquece mais uma vez. Mas quando uma ameaça mortal que ninguém podia prever transforma todo o seu mundo, Rose terá de arriscar a própria vida e escolher entre as duas pessoas que mais ama

 

Opinião

Gosto tanto desta capa portuguesa *.* Não percebo é o porque de estar uma strigoi na capa, mas não faz mal, é linda na mesma.

 

bookmark friday

UUUuuuuuUuUUUUUU o Halloween está quase aí à porta. E como eu adoro o Halloween (mas não marcarar-me, atenção!), hoje trago-vos não uma, mas duas ideias para os vossos marcadores. Podem imprimir estes marcadores tão giros com os monstrinhos do Dia das Bruxas (carreguem na imagem para ver o tamanho original) ou então, se se sentirem mais aventureiros, podem construir o vosso próprio marcador vampiresco!!

 

 

Source: Class Room Jr

 

Pandemonium

 

Autor: Lauren Oliver

Sem Lançamento em Portugal aquando da Revisão

 

Sinopse:

I’m pushing aside  the memory of my nightmare, pushing aside thoughts of Alex, pushing aside thoughts of Hana and my old school, push, push, push, like Raven taught me to do. The old life is dead.But the old Lena is dead too. I buried her. I left her beyond a fence, behind a wall of smoke and flame. Lauren Oliver delivers an electrifying follow-up to her acclaimed New York Times bestseller, Delirium. This riveting, brilliant novel crackles with the fire of fierce defiance, forbidden romance, and the sparks of a revolution about to ignite.

 

Opinião:

Estou passada da cabeça, já tinha esta revisão feita e apaguei-a! WTF!!! Isto só me acontece a mim...

 

Sweet Peril

 

Autora: Wendy Higgins

Sem Lançamento em Portugal aquando da Revisão

 

Sinopse:

Anna Whitt, the daughter of a guardian angel and a demon, promised herself she’d never do the work of her father—polluting souls. She’d been naive to make such a vow. She’d been naive about a lot of things.
Haunted by demon whisperers, Anna does whatever she can to survive, even if it means embracing her dark side and earning an unwanted reputation as her school’s party girl. Her life has never looked more bleak. And all the while there’s Kaidan Rowe, son of the Duke of Lust, plaguing her heart and mind.
When an unexpected lost message from the angels surfaces, Anna finds herself traveling the globe with Kopano, son of Wrath, in an attempt to gain support of fellow Nephilim and give them hope for the first time. It soon becomes clear that whatever freedoms Anna and the rest of the Neph are hoping to win will not be gained without a fight. Until then, Anna and Kaidan must put aside the issues between them, overcome the steamiest of temptations yet, and face the ultimate question: is loving someone worth risking their life?

 

Opinião:

Honestamente não sei se esta revisão vai ser grande coisa, porque eu tinha imensas expectativas para este livro e fiquei deveras desapontada.

 

Pág. 1/3