Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

feel the pages

uma fangirl obsessiva compulsiva opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção

sobre o blog

uma fangirl obsessiva compulsiva decidiu fazer um blog onde opina e partilha a sua experiência sobre livros de ficção, alguns já existentes em portugal, alguns ainda em tradução e outros sem lançamento previsto nesta miniatura de país.

remember. (QUASE) TODAS AS REVISÕES TÊM SPOILERS, POR ISSO BE AWARE!

também temos bons autores em portugal

 

Ora isto não é só fazer revisões, também há que dar a conhecer novos livros. E tal como em Economia, temos de favorecer os autores portugueses. Eu sou uma das pessoas que não gosta especialmente de literatura portuguesa moderna, porque apesar de se encontrar meia dúzia de livros que valem a pena ser lidos, o resto é tudo muito vazio. E convenhamos, não existe uma grande variedade de géneros: é quase tudo romance. Não estou a dizer que não há bons escritores em Portugal, que os há, simplesmente não consigo satisfazer as minhas necessidades literárias com calhamaços que façam de guerra e pollitica; não faz parte do meu gosto pessoal e é por isso que não me apelam minimamente.

 

Mas desde que tenho conta no Goodreads tenho vindo a descobrir coisas maravilhosas. Hoje vou apresentar-vos três autores, portugueses, que embora ainda não tenha tido oportunidade de ler, pelas sinopses que li parece-me que dão ou vão dar cartas nestas bandas. Fiquei surpreendida porque não conhecia muitos portugueses a aventurarem-se nos géneros 'Fantasia' ou 'Fantasia Épica' e que conseguissem criar um universo que não parece-se infantil ou demasiado imaginário.

 

 


 

 

A primeira trilogia que vos vou mostrar chama-se A Dança de Pedra do Camaleão e é a que pelas minhas contas foi escrita há mais tempo.

 

 

Acho as capas muito bonitas, à excepção da terceira. São das melhores que vi para o género, em Portugal (normalmente é tudo bonecos que parecem saídos de CGI ou vindas directamente de desenhos animados de segunda categoria - tipo aqueles que passam na RTP2). Infelizmente, não sou uma fã extraordinária de Fantasia Épica (não, nunca li O Senhor dos Aneis nem o Eragon - nem vi os filmes), mas como gosto bastante de Game of Thrones, é agora que começo a ter mais interesse neste género. E incrivelmente, esta trilogia tem grandes reviews no GR, especialmente internacionalmente. Pelo que vi li, existem pessoas que gostam, outras que não gostam. Parece-me que se trata de uma mistura de Hércules com Percy Jackson, com um romance homossexual lá para o meio (que me espantou). Secalhar não seria dos primeiros que leria, mas sem dúvida que ficava com a pulga atrás da orelha.

Quero também mostrar-vos A Saga das Pedras Mágicas. Não é Fantasia Épica, mas fala de magia (ou não fossem as pedras mágicas). As capas são horriveis. Vá, nem todas, a primeira e as duas última é que são horrendas. Desculpem-se estar sempre a falar do aspecto dos livros, mas também conta. Aliás conta muito, neste tipo de livros Fantásticos. Tem de se mudar estas capas rapidamente... Depois admiram-se que as vendas caem, uma pessoa vê uns desenhos animados na capa e a credibilidade do livro fica logo posta em causa.

 

 

 

Esta saga ainda está em desenvolvimento, pelos visto. Pessoalmente, é-me muito mais apelativa, porque fala não só de viagens mas de criaturas, pessoas com poderes mágicos e da luta contra o bem e o mal. Não sei honestamente o que esperar, mas parece-me ser muito similar à Guerra de Tronos, pelo que deve ser bom. (mas nada vai ganhar às capas portuguesas de As Crónicas de Gelo e Fogo - maldita a hora em que começaram a substituir por imagens da série!)

 

Por fim, mas não menos importante, aquela que eu já conhecia, a saga Orbias.

 

 

Ainda não entendi se a saída de livros ainda está para decorrer ou se estes dois volumes são a integra da série. Esta sim, é sem sombra para dúvidas, só Fantasia. Tem muitos dos elementos que vejo nos Young-Adult internacionais (o 'rapariga normal descobre que tem poderes ocultos', 'novo mundo fantástico a que pertence' e 'rapaz de espécie diferente que é um giraço e está destinado a ficar com a protagonista') e mesmo sem ter lido, tenho um feeling que pode ser das séries portuguesas que mais em voga estão.

 

Mas até poço estar enganada, por isso se já leram uma destas 3 séries, não deixem de partilhar a vossa experiência e dizer o que acham ou o que poderia ser melhorado : )